quinta-feira, novembro 05, 2009

ESPERANÇA




















ESPERANÇA
Quiseras ser aquele que não sou :
Mais são, mais puro, menos pecador,
Viver de novo o tempo que passou
Mas, esbanjando o Bem, a Paz e o Amor !

Caminho sem saber para onde vou.
Confio em ti, meu Deus e meu Senhor.
A minha Fé é tudo que Te dou
Em troca do perdão, do Teu Amor.

Mas, a minha esperança é que virá
Um dia, em que o viver acabará
No confuso monturo deste mundo …

E levarei comigo, sem remédio
A amargura, o tormento, a dor, o tédio,
Deixando o meu desgosto bem profundo !


JOSÉ MARIA LOPES DE ARAÚJO
do livro " Labaredas "

1 comentário:

Sonhadora disse...

Lindo poema.Adorei
Um abraço